Prefeito Russinho não tem previsão de alta “COVID-19”

O boletim médico divulgado nesta segunda-feira (20) pelo Hospital Viamão (HV) dá conta de que não há evolução na condição de saúde do prefeito Russinho. E a inclusão de apenas uma palavra no informe de hoje na comparação com os anteriores indica que o chefe do Executivo municipal está longe de receber alta.

– O Russinho precisa de um cuidado bem importante. A instabilidade respiratória é grande. O termo pesado significa que o paciente necessita de muito oxigênio para estabilizar sua oximetria (transporte de oxigênio pelo sangue) – diz o médico.

O responsável técnico pela casa de Saúde local reafirma que o chefe do Executivo está consciente, não necessita de respirador mecânico e não tem previsão de alta.

– Ele ventila espontaneamente, recebe o suporte respiratório da máscara de Hudson, agora com o fornecimento de mais oxigênio – completa João Almir.

Desde a confirmação da infecção por COVID-19, a Prefeitura tem repassado poucos detalhes sobre a saúde do prefeito em exercício. A primeira nota divulgada pela Comunicação, ainda na quarta-feira passada (15) omitiu a internação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *